Existem vários benefícios comprovados cientificamente para quem frequenta uma sauna, como redução de riscos cardiovasculares para homens e mulheres, melhora na função cerebral, no humor e na respiração, além de tornar os músculos mais flexíveis.

1. Sistema cardiovascular
Estudo publicado recentemente na revista BMC Medicine descobriu que visitar uma sauna duas ou três vezes por semana pode reduzir em 25% o risco de morte por doença cardiovascular. Já para aqueles que vão à sauna de quatro a sete vezes por semana, esse risco pode cair para 77%. A possível explicação para o fenômeno é o efeito positivo que o calor traz para a frequência cardíaca: segundo pesquisadores, dentro deste ambiente o coração chega a 120 a 150 batimentos por minuto (bpm).

A temperatura mais elevada (em média 30°C) ainda pode melhorar a dilatação dos vasos sanguíneos, exercendo efeito positivo sobre a circulação de sangue pelo corpo, que por sua vez ajuda a regular a pressão arterial.

2. Cérebro
A frequência das visitas também ajuda a diminuir o risco de doenças neurodegenerativas em homens. Estudo publicado na revista Age and Aging mostrou que ir à sauna duas ou três vezes por semana pode diminuir o risco de demência (22%) e de Alzheimer (20%). Outro estudo mostrou que uma circulação melhorada também pode proporcionar alívio para quem sofre com dores de cabeças frequentes (15 ou mais vezes por mês).

3. Músculos
Segundo o Medical Daily, fazer alongamento dentro da sauna pode melhorar a flexibilidade dos músculos em até 205%. A recomendação é que as pessoas curtam a sessão por cerca de 15 minutos e então façam os exercícios.

4. Sistema respiratório
Visitas frequentes a sauna (duas a três vezes por semana) ajudam a diminuir a probabilidade de desenvolver doenças respiratórias, como asma, doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) ou pneumonia.

5. Humor
Artigo publicado na revista Alternative Medicine Review indicou que a sauna pode aumentar os níveis de endorfina, promovendo melhora no humor de pacientes com depressão leve. Mesmo para quem não tem o transtorno, a visita é recomendada, pois ajuda a promover o relaxamento.